Notícia - Música

Compartilhar:

Grome - Plataforma Online e Gratuita de Registro de Equipamentos Musicais

Quando se compra algo que já é usado, geralmente, o comprador quer saber a procedência desse produto: por quantas pessoas já passou, a qualidade, ano de fabricação, entre outras características.

Porém, no mundo dos usados nem sempre o vendedor é uma pessoa confiável, principalmente quando a compra é pela internet e o produto vai vir de outra cidade, estado ou país, não sendo possível verificar de perto, mas somente por fotos.

Essa preocupação acontece com os compradores de instrumentos musicais também. Para desencanar na hora da compra, uma plataforma online e gratuita pode ser a solução: é o Global Register of Music Equipaments (Grome).


 Sound mixer and guitar


A ideia é que a plataforma seja um lugar onde os músicos possam registrar seus equipamentos, inserindo informações como número de série, nota fiscal, cor, modelo, ano, história, peculiaridades e fotos. Esse registro será gratuito, mas também haverá as tags, que devem ser coladas nos instrumentos e, por meio de um leitor de QR Code, vai ser possível acessar seu registro. As tags precisam ser compradas, mas não são obrigatórias.

A necessidade de criar a plataforma surgiu devido à perda dos instrumentos. Essa também será uma das utilidades do Grome, pois o músico poderá criar um alerta e informar que o equipamento foi roubado, relatando o que aconteceu, quando, onde e até oferecer uma recompensa se alguém o achar.

O alerta de roubo ficará registrado até que o dono retire o anúncio. Por isso, se alguém tentar vender o equipamento roubado, o que acontece muito pela internet, o Grome poderá impedir que você compre esse produto, já que será possível verificar a procedência.

Além disso, a plataforma também possibilitará que fique registrado os lugares com maiores incidências de roubo, como acontecem as perdas e outras informações.




Apoie esta ideia

A plataforma Grome ainda não está funcionando. Para que esse sistema seja criado é preciso R$ 14, 7 mil. Deste valor, 48% será destinado para pagamentos de prêmios (R$ 7.350) e o restante será dividido para a criação da plataforma, materiais de comunicação, entre outros quesitos necessários. O valor está sendo arrecadado por meio de doações.

Para ser um benfeitor clique aqui. https://benfeitoria.com/grome

Colaborando com R$ 10 você recebe duas tags identificadoras para colá-las nos instrumentos. Existem outras 15 opções de preços que garantem mais benefícios. O máximo é R$ 1 mil, onde o doador se torna um “benfeitor das galáxias”, recebendo 80 tags, 10 palhetas personalizadas, um par de baquetas, duas camisetas e cinco chaveiros personalizados. O pessoal ainda promete ir até você para conversar mais sobre a iniciativa.

Se tudo der certo, a intenção é criar um aplicativo para smartphones, o que facilitaria ainda mais o uso do Grome.



Idealizadores

A iniciativa é do economista e música Laio Thomaz e quem embarcou nessa vibe é o Francisco Xavier da Costa Aguiar Jr (Chico), que é formado em Administração e Gerenciamento de Projetos.






Postado por: Enjoy Maringá

Mais acessadas

Veja as mais acessadas na última semana
25 coisas sobre Maringá, pela Após 8 meses morando em...
Ingressos dos shows da Expoingá Começaram a ser vendidos nesta...
Maringá Gratuita 2016 Pensando no momento econômico...
Virada Cultural de Maringá 2016 Saiu a programação...
26 lugares em Maringá que Seu aniversário está...